Diário RBC

Divulgação (Eu acredito em Fadas)

Por: Claudemir Ferreira 03/09/2016

Eu trabalho com educação inclusiva há mais de um ano. Tive muitas experiências positivas pelo simples contato com deficientes os mais variados possíveis. Aprendi que uma das coisas mais importantes é não focar na deficiência, tratando o deficiente como um ser humano antes de mais nada.

Quando se fala em inclusão, é sempre bom ter em mente que a inclusão é de todos, não apenas do deficiente. Sendo a inclusão feita de forma plena, as barreiras são quebradas e pontes são construídas entre deficientes e não-deficientes. Mas isto não se trata apenas de palavras vazias. Não se trata de um discurso bonitinho sem embasamento pratico. Falo do que vi e ainda vejo. Falo de experiências que vivenciei e ainda vivencio; a inclusão é real, e no fim todos saem ganhando, pois ela faz da deficiência um elo de ligação humana. Antes de enxergarmos o deficiente, enxergamos o ser humano com todas as suas potencialidades.

Foi trabalhando com educação inclusiva que conheci Mathews Villander, cadeirante que se sagrou campeão Mineiro de xadrez na categoria Sub-20 em 20/07/2015. Recentemente, Mathews me apresentou a um canal no Youtube e me pediu que divulgasse. Como acredito que boas iniciativas devem ser incentivadas, farei uso desse espaço para divulgação do mesmo. A idealizadora é Letícia Santos Ribeiro, que é moradora da cidade de São Vicente de Minas, interior de Minas e tem 18 anos. O canal se chama Eu acredito em Fadas. Letícia é portadora de uma doença muito rara, que ocorre em uma pessoa a cada 385 mil. Essa doença se chama Atrofia espinhal e é uma doença degenerativa.


Em seu canal, Letícia não apenas fala de suas experiências pessoais, mas também cede espaço para que outros deficientes compartilhem suas experiências e pontos de vista. Nas palavras dela: "Eu criei o canal porque passei vários anos da minha vida procurando algo na internet que falasse sobre o deficiente, mas numa linguagem jovem e longe de tabus, porém nunca tinha encontrado. No canal eu compartilho minhas experiências na tentativa de ajudar aqueles deficientes que tem dúvidas sobre a vida. Também estou sempre pedindo para que não tenham vergonha de suas deficiências e não se escondam da sociedade, para que possamos melhorar o mundo com suas vivencias.”

Os assuntos são tratados de forma leve e bem humorada, nada de sofrência. O foco é sempre nas possibilidades, naquilo que nos aproximam.

Os vídeos tratam de vários temas, tais como Dia dos namorados, Histórias de vida e até sobre a história dos deficientes. Fica aí a dica para os interessados. A inclusão é de todos.

Parabéns Letícia.

https://www.youtube.com/channel/UC-hRywOT2S4O2URAeDFgqxw/featured

canal


Aproveito para deixar meu contato para aqueles que desejarem compartilhar suas experiências ou divulgar alguma iniciativa que dê voz aos deficientes, como é o caso do canal de Letícia.

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Mais Artigos...

Página 5 de 404

<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Arquivos